Rua Barão do Abiaí, 24, Centro, C. Grande/PB

53% dos consumidores compraram durante a Semana Brasil de 2020, apontam CNDL/Offer Wise

Roupas, calçados, cosméticos e perfumes foram os produtos mais procurados. Promoção aconteceu entre os dias 3 a 13 de setembro

 

A segunda edição da Semana Brasil, idealizada pelo Governo Federal para reforçar as vendas no feriado da Independência, levou 53% dos consumidores às compras em 2020. É o que aponta levantamento da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), em parceria com a Offer Wise Pesquisas.

Realizada de 3 a 13 de setembro, a campanha movimentou o varejo no país no momento de reabertura das atividades do comércio, após o fechamento dos estabelecimentos pelas medidas de enfrentamento à Covid-19.

De acordo com a pesquisa, os produtos mais comprados durante a promoção foram roupas (42%), calçados (34%), cosméticos e perfumes (20%), artigos para casa (20%) e smartphones (20%).

Segundo o presidente da CNDL, José César da Costa, os resultados da Semana Brasil mostram acerto no esforço do governo em busca da melhoraria do ambiente econômico do país. “A iniciativa foi ao encontro da expectativa do setor empresarial que estava contando com o retorno das atividades do comércio e com os recursos movimentados pelas vendas”, diz.

 

Sites e aplicativos foram os principais locais de compra

A internet foi o local mais utilizado pelos consumidores na Semana Brasil. De acordo com a pesquisa, 41% das pessoas compraram em sites e aplicativos de lojas nacionais, enquanto 30% nos supermercados, 25% em sites e aplicativos de compra e venda de produtos novos ou usados e outros 25% em shopping center.

Para o presidente da CNDL, a pandemia acelerou o processo de transformação digital e as vendas online devem crescer ainda mais no país.

“O setor se viu obrigado a se adaptar diante dos desafios impostos pela pandemia, e até mesmo os micro e pequenos comerciantes passaram a atender os clientes pelas redes sociais e pelo WhatsApp. O processo de transformação digital foi acelerado e as vendas online devem crescer ainda mais no país”, afirma Costa.

 

7 em cada 10 consumidores disseram que as compras valeram a pena

Para 70% dos entrevistados, as compras realizadas durante a Semana Brasil valeram a pena e as ofertas estavam com bons preços, enquanto 26% disseram que não, principalmente porque já viram preços melhores em outras épocas do ano (19%). Além disso, na percepção de 86% dos entrevistados os descontos eram reais, sendo que para 60% somente em parte dos produtos/serviços comprados e para 25% em todos. Já para 11% o desconto anunciado não era real.

 

Metodologia

Público alvo: residentes em todas as capitais brasileiras, com idade igual ou superior a 18 anos, ambos os sexos, todas as classes sociais.

Método de coleta: pesquisa realizada via web e pós-ponderada considerando sexo, idade, escolaridade, classe e região do país.

Tamanho amostral da pesquisa: 982 casos, gerando uma margem de erro no geral de 3,1 p.p. para um intervalo de confiança a 95%.

Data de coleta dos dados: 19 a 26 de outubro de 2020.

Deixe um comentário

Privacy Preferences
When you visit our website, it may store information through your browser from specific services, usually in form of cookies. Here you can change your privacy preferences. Please note that blocking some types of cookies may impact your experience on our website and the services we offer.